Placas Mercosul: placa vermelha para caminhão continuará valendo?

placas_mercosul

Imagem: Dom Total

As novas placas Mercosul estavam previstas para começarem a valer em 2017. Mas, após a pressão de fabricantes e estampadores, o Contran voltou atrás e suspendeu por 60 dias a Resolução 729, que regulamentava as novas placas no Brasil.

A nova resolução deverá ser discutida pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) no dia 10 de maio. Por enquanto, segundo o Denatran, a regulamentação tornará a nova placa obrigatória apenas nas transferências de veículos usados e na compra de carros novos.

Com esse vai e vem de resoluções, até quem entende do assunto fica confuso. Sobre esse assunto, o parceiro Ricardo Figueiredo fez a seguinte pergunta durante a transmissão ao vivo de hoje:

E agora que vão mudar o padrão das placas, o caminhão terá placa de que cor? Continua vermelha ou muda a cor?

Ricardo, no geral o vermelho vai continuar representando placas para veículos comerciais. O design das placas vai mudar então, por isso, todas as placas terão fundo branco e apenas os letreiros serão de cores diferenciadas.

placas_mercosul

Para veículos de passeio, cor preta, para veículos comerciais, vermelha, carros oficiais, azul, em teste, verde, diplomáticos, dourado e de colecionadores, prateado.

 

O que mais vai mudar?

placas_padrao_Mercosul

  • Nova sequência de caracteres alfanuméricos

Em vez de 3 letras e 4 números, como é hoje, as novas placas terá o último caractere obrigatoriamente numérico, sendo os demais compostos por letras ou números, a serem estabelecidos pelo Denatran de forma a evitar duplicidade com as placas já utilizadas nos outros países do bloco.

  • Estado e cidade com nome e brasão

O nome do país estará na parte superior da placa, sobre uma tarja azul. A bandeira do estado e o brasão do município estarão à direita da placa, abaixo da bandeira do Brasil.

  • Tamanho da placa

A placa terá as mesmas medidas das já utilizadas no Brasil (40 cm de comprimento por 13 cm de largura).

  • Medidas contra as falsificações e clonagem

Marcas d’água do emblema do Mercosul com efeito óptico; Ondas sinusoidais, Selo Fiscal Federal (chip); Código bidimensional gerado pelo Denatran (QR code).

 

E você, também tem alguma dúvida sobre o trecho? Fique ligado e acompanhe nossas transmissões ao vivo pela fanpage do Pé na Estrada no Facebook, todas as terças-feiras às 12h00 e as sextas-feiras na página de Pedro Trucão e na Web Estrada, também às 12h00.

 

Por Pietra Alcântara

1