segunda-feira, setembro 28, 2020
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Acordo quer dobrar capacidade de ferrovia no PR

- Publicidade -

Um acordo comercial entre o Governo do Paraná e a Rumo Logística vai permitir que a Ferroeste (Estrada de Ferro Paraná Oeste S.A.) amplie a capacidade de escoamento da safra. O anúncio sobre a ferrovia no PR foi feito na última quinta-feira, 30, pelo governo do estado.

Leia também: ViaSul instala pedágio em cinco praças do RS

ferrovia parana
Imagem: Jaelson Lucas/Governo do Paraná

A expectativa, de acordo com o secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, é que o volume de produtos transportados na malha ferroviária que liga Cascavel a Guarapuava passe de 1,1 milhão de toneladas por ano para cerca de 2 milhões/ano.

O novo documento de operação, que deve ser assinado nos próximos dias para garantir segurança jurídica às partes, vai permitir que as duas empresas compartilhem cargas que saem da Região Oeste em direção a Paranaguá.

A negociação possibilita à Rumo entrar no trecho da Ferroeste, inclusive com reforço de maquinário. Para que isso aconteça, há uma regulação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Atualmente, a multinacional é responsável pela operação entre Guarapuava e o Porto de Paranaguá. Já a Ferroeste administra o trecho ferroviário entre Cascavel e Guarapuava.

“Esse acordo comercial vai permitir uma considerável ampliação no escoamento da safra, já a partir de março. Garante capacidade logística e uma redução de custos para os produtores”, explicou Sandro Alex.

 

Adaptado de Governo do Paraná

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados