quinta-feira, outubro 29, 2020
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

ANTT suspeita quebra de contrato da Rota do Oeste

- Publicidade -

A concessionária Rota do Oeste, responsável pelo trecho da BR 163 no Mato Grosso, pode perder a concessão da rodovia federal. A empresa está sob suspeita de quebra de contrato e passa por avaliação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). As informações são do Portal da Cidade de Lucas do Rio Verde.

Leia também: ANTT ordena redução no pedágio da BR 050

rota do oeste
Imagem: Divulgação/Rota do Oeste

Segundo a Assessoria de Comunicação da ANTT, “no atual momento, a Concessionária Rota do Oeste passa por um processo administrativo preliminar de apuração de indícios de caducidade, no qual é apurada a situação de todas as obrigações previstas no contrato, como inexecuções”.

De acordo com a legislação em vigor, é a ANTT que elabora o edital e fiscaliza sua execução dentro dos parâmetros estabelecidos, sempre com o acompanhamento de outros órgãos, como o Tribunal de Contas da União (TCU).

O ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, já afirmou que uma intervenção direta do Governo sobre a concessão da Rota do Oeste é avaliada, principalmente pelo atraso nas obras de duplicação do trecho entre Rondonópolis e Sinop.

Leia também: Greve e piso mínimo – 4 de setembro será decisivo para caminhoneiros

Adaptado de Portal da Cidade de Lucas do Rio Verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados