quinta-feira, setembro 23, 2021

Bolsonaro promete isenção de pedágio às motos; caminhões terão que pagar mais

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nessa segunda-feira, 24, em suas redes sociais, que as novas concessões de rodovias federais não cobrarão pedágio às motos. Com essa isenção, consequentemente, caminhões e carros terão que pagar mais na tarifa.

A medida é uma antiga promessa do presidente aos motociclistas, que vem desde agosto do ano passado. Bolsonaro comunicou a decisão nas redes sociais após uma passeata com a categoria que aconteceu nesse último domingo, 23, no Rio de Janeiro.

O Ministério da Infraestrutura avalia que a perda de receita gerada com o benefício dado pelo presidente aos motociclistas será inferior a 1% ao ano, valor que será repassado para motoristas de caminhões e carros.

No entanto, a Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) estima que, em média, o impacto dessa isenção seja de 5%, percentual que será distribuído nas tarifas dos demais usuários, conforme definido nos contratos de concessão. No caso de ligações dentro ou entre regiões metropolitanas de maior porte, o impacto pode ser ainda maior.

Como a determinação é para novas concessões, a mudança já pode valer na nova concessão da Rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro; da BR-381/382, entre Minas Gerais e Espírito Santo; BR-116/493, do Rio a Minas Gerais e o pacote de rodovias do Paraná. A informação é da Folha de S. Paulo

Pedágio em rodovia de São Paulo

Segundo a Folha, a gratuidade aos motociclistas aumentará 0,5% nas tarifas dos demais usuários na Dutra. No Paraná, caminhões e carros pagarão 0,6% a mais.

Ainda de acordo com o jornal, o Ministério da Infraestrutura se posicionou contra a isenção, pois teme que outras categorias como motoristas de aplicativos, veículos médicos e carros oficiais possam recorrer à Justiça para conseguir o mesmo tratamento.

O presidente vem tentando agradar setores que considera uma base forte para tentar a reeleição em 2022. No dia 18 deste mês, o governo federal anunciou o programa ‘Gigantes do Asfalto’ para desburocratizar a atividade do transporte e melhorar a vida do caminhoneiro, segundo o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

ABCR é contra a isenção de pedágio às motos

A associação se posicionou contra a isenção de pedágio às motos porque acredita que isso trará um desequilíbrio nas tarifas pagas por caminhoneiros e motoristas de carros:

“Para viabilidade dos programas de concessões, é importante proporcionar base de pagantes que represente o universo de usuários que utilizam a prestação de serviços daquele projeto. Nessa linha, faz sentido assegurar o conceito ‘quando todos pagam, todos pagam menos’. Qualquer tipo de isenção compromete esse equilíbrio e impacta na tarifa que será paga pelos demais usuários”.

Além disso, o comunicado afirma que os motociclistas continuarão usando os serviços disponíveis nas rodovias concedidas, como assistência pré-hospitalar em emergências, socorro mecânico, bases de apoio aos usuários, dentre outros.

Por que moto paga pedágio?

Muitos questionam que a moto por ser um veículo leve e que causa poucos danos ao pavimento das rodovias, não precisa pagar pedágio. Por esse lado, isso faz sentido. Mas caso o motociclista sofra um acidente, a concessionária terá que arcar com os custos do atendimento médico, que não é pouco, até pela quantidade de motos que circulam diariamente nas rodovias.

Segundo dados da ABCR, em 2019, dos 112.356 acidentes registrados nas rodovias concedidas ligadas à associação, 20,26% envolveram motocicletas, ou 24.456 acidentes.

 

Por Wellington Nascimento

 

 

 

 

 

12 COMENTÁRIOS

  1. O autor do artigo, Wellington Nascimento, não sabemos se jornalista ou não ou ainda, se tem vínculos com a ABCR, omite que todos os motociclistas brasileiros, proprietários de motocicletas, são obrigados a pagar um tributo denominado IPVA, para terem direito a circularem nas ruas e em todas as estradas brasileiras, sejam ou não pedagiadas. Em caso de acidentes, TODOS têm direito a atendimento pela entidade pública, que é o estado brasileiro.
    Na realidade, como as rodovias pedagiadas não são OPÇÃO para os motoristas e motociclistas, ou seja, são as únicas opções para deslocamentos para determinadas localidades, então TRATA-SE DE BI TRIBUTAÇÃO. (ou seja, pagamento de impostos duplamente- ipva mais o pedagio – pelo mesmo trajeto).

    • Um argumento fraco de quem publicou esse arquivo né? Qualquer um sabe que essa gangue dos pedágio não são condizente com os serviços prestados, sabemos que o IPVA, E SEGURO OBRIGATÓRIO já são tributos para esses fins, esse montes de filhos de um m* acham que somos trocas e devia pagar esses absurdos de pedágio

  2. O presidente Bolsonaro cada dia só piora as coisas, não tem como apoia as suas atitudes,o que é pior que do jeito que as coisas estão, é perigoso o lula vencer as eleições de 2022, por incrível que pareça talvez seja até melhor.

      • Benefício de todos quando as pessoas nesta pandemia pedi alimentos por aplicativo,o pedágio será repassado e vc q não pode ir ao restaurante por ordem de restrição de cada governante ; os motoqueiros fazendo a ponte para todos os seguimentos empresas e clientes ,se vc precisar desde uma bolsa de sangue e.. uma cirurgia até um contratos ou diversas situações , esses homens e mulheres irão resolver seu problemas , talvez vc q não apoie não tenha coragem de subir em uma moto ir salvar vidas ou saciar fome dos outros ou salvar empresas como os contratos de urgência , pois quando a água toca o mandíbula e quando se dá valor aos guarda vidas

  3. Qui coisa hein os caminhões sempre pagando mais e era pra ser ao contrário isso pelo movimento gigante que tem de caminhão nas estradas era pra cobrar bem menos da gente assim pagava um pouco cada um e no final daria uma boa renda pra esse roubo que são os pedágios e já chega os preços dos combustíveis que tá fora do normal tá difícil de trabalhar com caminhão no frete , sabe o que eu penso em tudo isso da muita pena do povo brasileiro que depende do governo pra comprar as coisas nos supermercados e olha os preços como que está e ninguém faz nada pra ajudar a melhorar tudo isso pelo contrário tá só mandando os preços pras nuvens de tão alto que está e nunca tá bom cada vez falando em subir mais ( Deus que ajude o Brasil e os brasileiros)

    • Amigo, voce nunca deve ter montado em uma moto. Muito perigoso generalizar, acidentes ocorrem tanto nas estadas quanto nas cidades. Na realidade, cobrança de pedágio é cobrança dupla, para voce entender melhor, é cobrar DUAS VEZES, pois todos são obrigados a pagar IPVA para transitar em TODAS as ruas e estradas brasileiras.

    • Políticos todos ladrões já não está o valor do óleo diesel ainda nós caminhoneiros vamos te q pagar pedágios pra motos vão tomar no cu brasileiro uma sociedade de merda só aceita tudo desta máfia de políticos ladrões

  4. Passou da hora deste miseravi Bozo, pedir para cagar e vazar do Brasil, junto com os amigos do peito Queiroz, Eduardo Cunha, Tal pastor preso Everaldo, Pezão, Aécio,cê mala sem alça ou mala cheia, já deu ou cadeia nele

  5. Sem comentário #Forabolsonario e nada de Lula da oportunidade a outro. que e nunca foi presidente. e preciso melhoria e não roubalheira.

  6. Políticos todos ladrões já não bastasse como está o valor do óleo diesel ainda nós caminhoneiros vamos te q pagar pedágios pra motos vão tomar no cu brasileiro uma sociedade de merda só aceita tudo desta máfia de políticos ladrões

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados