domingo, dezembro 5, 2021

Caminhoneiros fazem mobilização em algumas regiões do Brasil nesta quarta-feira

Após as manifestações do dia 7 de setembro, o dia 8 amanheceu com pontos de mobilização de caminhoneiros em alguns estados, principalmente Santa Catarina, Mato Grosso e Espírito Santo.

Durante a madrugada, outros estados como Paraná e Bahia também tiveram pontos bloqueados, entretanto, foram liberados ainda no início da manhã. Em alguns, como na BR 277 em Céu Azul/PR, a movimentação acontece em vias marginais e postos de combustível, sem fechamento de rodovia.

 

Bloqueios de rodovia

A maior parte dos bloqueios impede apenas a passagem de veículos de carga, com liberação para remédios e produtos perecíveis.

Segundo informações oficiais da Polícia Rodoviária Federal, acontecem paralisações em:

 

Espírito Santo

BR 101

– km 137 – Linhares

– km 204 – João Neiva

– km 306 – Viana

– km 372 – Iconha

– km 414 – Itapemirim

 

BR 262

– km 262 – Viana

– km 262 – Ibatiba

 

BR 447

– km 12 – Capuaba, Vila Velha

 

Mato Grosso

BR-163

– km 119 – Rondonópolis (ou km 202 da BR-364) – com bloqueio de passagem de veículos de carga, exceto perecíveis e vivas

– km 687 – Lucas do Rio Verde – com bloqueio de passagem de veículos de carga, exceto perecíveis e vivas

– km 745 – Sorriso – tem manifestação, mas não tem bloqueio

– km 821 – Sinop – tem manifestação, mas não tem bloqueio

 

BR-070

– km 517 – Várzea Grande – próximo ao Posto Miriam com bloqueio de passagem de veículos de carga, exceto perecíveis e vivas

 

Santa Catarina

BR 101

– km 10 – Garuva

– km 25 – Joinville

– km 72 – Araquari

– km 117 – Itajaí

– km 451 – São João do Sul

 

BR 280

– km 1,4 – São Francisco do Sul

– km 11 – São Francisco do Sul

– km 55 – Guaramirim

– km 121 – São Bento do Sul

– km 230 – Canoinhas

 

BR 116

– km 07 – Mafra

– km 138 – Santa Cecília

 

BR 282

– km 342 – Campos Novos

 

BR 470

– km4 – Navegantes

Clique aqui e veja as atualizações da PRF.

 

Em vários pontos, principalmente em Santa Catarina, caminhoneiros fazem o protesto em conjunto com agricultores. As pautas são similares às dos protestos do dia 7 de setembro. As principais entidades, sindicatos e federações de caminhoneiros autônomos são contra a movimentação.

 

Por Paula Toco

4 COMENTÁRIOS

  1. Concordo plenamente tá ficando difícil para pagar as contas isso por que estamos trabalhando e pra quem não tem condições come que está só por misericórdia de Deus é lamentável isso

  2. mas os caminhoneiros estão reenvidicando o que que acabe com o STF é brincadeira mesmo fas tres anos que pediram a tabela de frete não saio até agora e eles ficam trancando a estrada revindicando nada
    pedir a saida dos ministros do STF não é coiza pra nós caminhoneiros pediristo ~é burrice

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados