quinta-feira, janeiro 27, 2022

Confira como estão as rodovias e estradas baianas após os transtornos das chuvas

Nas últimas semanas, as fortes chuvas assolam alguns estados do nordeste brasileiro, principalmente a Bahia. Desde o início de dezembro, os temporais vêm devastando várias cidades do estado, principalmente no sul e sudoeste baiano, trazendo prejuízos a milhares de habitantes.

De acordo com a PRF, algumas rodovias e estradas acabaram sendo bloqueadas devido à queda de barragens, pontes e o alto nível dos rios. Assim, esses fatores vêm impossibilitando a locomoção entre as cidades e prejudicando as operações para o resgate e auxílio dos atingidos pelos temporais. 

A situação das rodovias e estradas baianas

A situação das rodovias e estradas baianas
Imagem: Google Maps

Segundo as atualizações recentes do Twitter da PRF-BA, devido à diminuição da chuva, algumas rodovias e estradas baianas estão liberadas provisoriamente. Apesar disso, em outras localidades onde ainda há transtornos, as pistas seguem interditadas. Veja a lista das rodovias interditadas e liberadas:

Interdição Total:

  • Santa Maria da Vitória – BR-349, Km 833 – Problemas na pista. O desvio está sendo realizado pelos acostamentos e apenas por veículos pequenos;

Interdição Parcial:

  • ItapebiBR-101, Km 660 – Desmoronamento de barranco;
  • UbatãBR-330, Km 866 – Afundamento de Pista. Liberada para automóveis leves. Não foi autorizado o tráfego de veículos pesados como caminhões e ônibus;
  • IbirapitangaBR-101, Km 406 – Problemas em acostamentos e partes da pista de rolamento;
  • JequiéBR-330, Kms 807 e 860 – Árvores e galhos caídos na pista;
  • Tancredo NevesBR-101, Km 314 – Desmoronamento de acostamento;
  • Tancredo NevesBR-101, Km 316 – Queda de barranco;
  • TeolândiaBR-101, Km 351 – Desabamento de acostamento;
  • TeolândiaBR-101, Km 345 – Desmoronamento de barranco.

Liberada:

  • JequiéBR-330, km 792 – Pista liberada, porém é sugerido não trafegar com veículos pesados por conta de afundamentos de pista;

(Atualizado pela PRF-BA em 29/12/2021 às 11:15)

Em outras palavras, recomenda-se que os condutores de veículos leves ou pesados trafeguem com cautela nas rodovias e estradas baianas, respeitando as sinalizações e recomendações das autoridades. Para mais informações atualizadas sobre a situação das estradas baianas, acesse: https://mobile.twitter.com/prf_ba

A situação no estado

Desde o início do mês, os temporais que atingem o estado da Bahia vêm causando transtorno à inúmeras cidades. Segundo informações do governo do estado, até o momento, 116 cidades sofreram graves transtornos nos últimos dias, sendo que 100 delas encontram-se em situação de emergência.

De acordo com a Superintendência de Proteção e Defesa Civil (Sudec), mais de 470 mil pessoas foram prejudicadas pelas chuvas no estado. Segundo as prefeituras dos municípios afetados, cerca de 31.405 pessoas estão desabrigadas e 31.391 encontram-se desalojadas.

Vale destacar que até o momento, 21 pessoas perderam a vida devido às chuvas. As mortes ocorreram nas cidades de Amargosa, Itaberaba, Itamaraju, Jucuruçu, Macarani, Prado, Ruy Barbosa, Itapetinga, Ilhéus, Aurelino Leal e Itabuna.

As medidas tomadas pelas autoridades

Na última segunda-feira (27), o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou algumas medidas para dar suporte aos prejudicados pelas chuvas. De acordo com nota divulgada pela  Secretaria de Comunicação Social do estado, um auxílio financeiro deverá ser disponibilizado para as famílias atingidas, por meio do programa Estado Solidário.

Nesse sentido, o Governo Federal, além da força tarefa para auxiliar a população baiana, também liberou através de Medida Provisória publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (28), cerca de 200 milhões de reais para a recuperação de rodovias afetadas pelos temporais nos últimos dias. Além da Bahia, outros quatro estados também serão contemplados com o auxílio (São Paulo, Minas Gerais, Amazonas e Pará).

As campanhas de ajuda a Bahia

As campanhas de ajuda a Bahia
Foto: Júlio Dutra/ Min. Cidadania.

Logo após as primeiras imagens da destruição causada no sudoeste e sul baiano, diversas campanhas para ajudar famílias com roupas, colchões e alimentos, vem sendo divulgadas nas redes sociais. Em outras palavras, se você conhece instituições que estão realizando arrecadação de valores ou alimentos em prol das vitimas das chuvas, ajude!!!! 

Seja solidário, a Bahia precisa de nós!!!!

Veja Também: ANTT abre processo de caducidade da ViaBahia

 

Por Daniel Santana com informações da PRF e Ministério da Cidadania

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados