sábado, setembro 25, 2021

Decisão judicial suspende redução de tarifas de pedágio na Via Bahia

A Justiça determinou na sexta-feira, 13, por meio do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), a suspensão da redução de tarifas de pedágio da BR-116 e BR-324, rodovias administradas pela Via Bahia.

A Concessionária informou, em nota, que tenta dialogar com a ANTT e o Governo Federal para resolver esse impasse. Apesar da decisão judicial, nem a agência e nem o Ministério da Infraestrutura foram comunicados oficialmente da decisão, segundo o portal G1 BA.

Clique aqui para ver o comunicado da Via Bahia sobre a decisão do TRF-1.

Redução de pedágio em trechos da ViaBahia, como a BR-116, foi barrada pela Justiça
Trecho da BR-116, na Bahia

ANTT havia determinado a redução das tarifas de pedágio na Via Bahia

Conforme noticiado pelo Pé na Estrada, na última terça-feira, 10, a ANTT aprovou a redução no valor da tarifa na BR-116/324 BA e BA 526/528 que girava em torno de 14,83%. De acordo com o órgão, o desconto se deu por falta de execução contratual, como o item de manutenção de pavimento, por exemplo.

Na prática, as praças P1 e P2, Simões Filho e Amélia Rodrigues, respectivamente, passariam de R$ 2,90 para R$ 2,40. Enquanto as praças P3, P4, P5, P6 e P7, Santo Estevão, Milagres, Manoel Vitorino, Poções e Veredinha, respectivamente, iriam de R$ 5,10 para R$ 4,30.

Nossa equipe esteve rodando por alguns trechos da Via Bahia no final de 2019 e conferiu como estava a situação das rodovias administradas pela concessionária, que carecem de infraestrutura. Confira no vídeo:

 

Por Wellington Nascimento

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados