quarta-feira, outubro 28, 2020
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Foco de incêndio é flagrado na CE 253

- Publicidade -

Nesta quarta-feira, 23, um foco de incêndio foi flagrado por um jornalista do O Povo nas margens da CE 253. O incêndio ocorria na rodovia Antônio Clemente de Araújo, em Mucambo, na região Norte do Ceará.

Leia também: Queimada provocada pelo Ibama – verdadeiro ou falso?

O incêndio, a pouco mais de 800 metros do Posto da Polícia Rodoviária Estadual, no entroncamento de Varjota/Reriutaba/Sobral/Mucambo, tomava conta das margens da rodovia no capim seco, além de pegar parte da mata de caatinga existente, atrás de uma cerca.

De acordo com dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) e do Instituto Nacional de Estudos Especiais (Inpe), em agosto deste ano, foram mais de 250 focos de calor no Ceará.

Em 2019, a Funceme mapeou 20 municípios com alto risco de incêndios florestais. Segundo o site da instituição de meteorologia, o estudo nos territórios vulneráveis leva em consideração a cobertura vegetal natural, o uso e ocupação da terra, as unidades de paisagem, a pluviometria média anual e o índice de vegetação existente.

Para ver imagens do flagrante na íntegra, acesse o site do O Povo.

 

Foco de incêndio: o que o motorista pode fazer?

incendios criminosos
Registro de um incêndio criminoso no Tocantins, em julho de 2020. Foco de incêndio. | Imagem: PRF/Divulgação

  • Se manter seguro

Incêndios e queimadas comprometem a segurança do motorista, já que a fumaça reduz a visibilidade, o que pode levar a acidentes e principalmente colisões traseiras. Por isso, tomar algumas medidas de segurança é importante nessas horas:

  • fechar o vidro do veículo;
  • manter distância segura do veículo da frente;
  • trafegar com farol baixo aceso;
  • não ligar o pisca alerta com o veículo em movimento;
  • não parar na faixa de rolamento.

 

  • Avisar autoridades

O caminhoneiro também pode ajudar na identificação de queimadas e incêndios criminosos, avisando as autoridades assim que puder. Por isso é importante ter à mão os contatos do Corpo de Bombeiros (193), da Guarda Municipal (153) e das Brigadas de Combate a Incêndios Florestais.

Para denunciar uma queimada criminosa, ligue para a CNT no número 0800 728 28 91 ou para o IBAMA, através do número 0800 61 8080. Certifique-se de estacionar o veículo em local seguro para telefonar ou peça para que o passageiro o faça. Informações da cartilha “Queimadas, o que fazer?”.

Assista também o alô do Trucão sobre o assunto no vídeo a seguir:

 

Você que é estradeiro, tem visto muitos focos de incêndio próximos de rodovias? Conte para a gente!

 

Por Pietra Alcântara

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados