Que acidentes de trânsito são um dos grandes problemas da modernidade, isso nós já sabemos. No Brasil, por exemplo, os três tipos de acidentes de trânsito mais fatais são: colisão com bicicleta, atropelamento de pessoas e colisão frontal. Juntos, esses três tipos somam 7,4% das ocorrências e 50,8% das mortes. Mas e se existisse um homem capaz de sobreviver a qualquer acidente de trânsito? Conheça o Graham, um ser humano desenhado exatamente para isso.

A ideia veio da Comissão de Acidentes no Transporte (TAC, na sigla em inglês) do governo de Victoria, um estado da Austrália. Eles reuniram um grupo composto por um engenheiro de segurança viária, um cirurgião de traumatismos e uma artista plástica. Os três conversaram sobre o que acontece com o corpo em diversos tipos de acidentes e como nossa estrutura deveria ser para suportar uma batida, um atropelamento, etc. Ao final, a artista plástica Patricia Piccinini desenhou e construiu o ser humano inquebrável: O homem capaz de sobreviver a qualquer acidente de trânsito, o Graham.

Graham visto de frente
Graham visto de frente

Objetivo

O nome Graham não tem nenhum significado especial. Ele é apenas um cara comum, mas que nasceu adaptado para acidentes de trânsito. A ideia por trás dele é que as pessoas entendam a importância de se fazer um trânsito mais seguro e vejam o quanto o nosso corpo é frágil em uma situação como essa.

Obedecer as leis de trânsito por exemplo, independentemente de multas, seria um grande passo já. Para atingir esse objetivo, Graham deve passear pela Austrália para que o máximo de pessoas tenham contato com ele e com a ideia que ele carrega.

Vamos conhecer a anatomia do Graham?

homem capaz de sobreviver a qualquer acidente de trânsito
Conheça o homem capaz de sobreviver a qualquer acidente de trânsito

O Cérebro

Pouca gente sabe, mas o cérebro é um dos órgãos que é mais afetado em um acidente. Quando o corpo é atingido, o cérebro continua em movimento dentro do crânio e bate contra o próprio osso. Isso afeta seriamente seu funcionamento. Para se proteger desse efeito, Graham tem um crânio reforçado, quase um capacete, e muito mais fluido dentro da caixa craniana para proteger o cérebro do impacto.

O cérebro do Graham tem mais fluído para atenuar os impactos
O cérebro do Graham tem mais fluído para atenuar os impactos

O Rosto

Os ossos da face são bem frágeis, principalmente as partes que ficam “pra fora”, como nariz e orelhas. Eles se quebram facilmente em acidentes e dificultam a vida das vítimas depois. Para que isso não aconteça com o Graham, ele tem nariz e orelhas “enfiados” no rosto, além de uma camada de gordura em volta dos demais ossos para protegê-los.

Nariz e orelhas do Graham não são proeminentes para proteção.
Nariz e orelhas do Graham não são proeminentes para proteção.

O Pescoço

O pescoço é uma das áreas mais frágeis do corpo. Em um acidente, ele balança pra lá e pra cá, acaba fraturando a espinha dorsal e muitas vezes deixa a vítima sem movimentos dele pra baixo.

Em um acidente, o pescoço é jogado para frente e para trás, o que causa fraturas
Em um acidente, o pescoço é jogado para frente e para trás, o que causa fraturas

Já Graham não se preocupa com isso, pois suas costelas sobem até o crânio, evitando o efeito chicote do pescoço.

O Graham não tem pescoço para evitar esse efeito
O Graham não tem pescoço para evitar o efeito chicote

Caixa torácica

As costelas já são uma proteção natural bastante efetiva (por isso o cinto de segurança fica por cima delas), então Graham as tem apenas mais efetivas. Ele tem costelas que parecem uma armadura? Não não, a ideia é colocar mais air-bags no Graham. O tronco dele é mais largo e tem bolsões entre as costelas, que fazem as vezes de air-bag e protegem órgãos vitais como coração e pulmões.

As costelas são separadas por estruturas similares a air-bags
As costelas são separadas por estruturas similares a air-bags

Os Joelhos

Nos atropelamentos, a região mais atingida é o joelho e como geralmente o veículo pega a lateral da perna, ele é atingido em uma direção que não foi feito para dobrar. Isso causa grandes danos a sua estrutura.

Já os joelhos do Graham dobram para qualquer lado, o que diminui muito as fraturas que podem ocorrer em um atropelamento.

Os joelhos do Graham giram em qualquer direção para evitar fraturas
Os joelhos do Graham giram em qualquer direção para evitar fraturas

O Graham tem ainda muitas outras particularidades. Se você quiser conhecer mais sobre o homem capaz de sobreviver a qualquer acidente de trânsito, visite o site dele clicando aqui. O site está em inglês, mas tem vários vídeos interessantes sobre a mecânica de um acidente e como o Graham foi criado para não sofrer com eles.

E você, prefere um trânsito mais seguro ou vai optar por ficar parecido com o Graham?

Por Paula Toco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here