sexta-feira, agosto 7, 2020
- Publicidade -

Investimentos aumentam a segurança e reduzem número de mortes em rodovias

- Publicidade -

ccr_dutra_pindamonhangabaEm meio a uma enxurrada de notícias ruins, seja nas vendas de caminhões, de carrocerias e no valor do frete, pelo menos uma é boa. Ela também apresenta quedas, mas neste caso, é para comemorar: a diminuição no número de acidentes. Três concessionárias de rodovias divulgaram seus dados e creditam os resultados em investimentos na melhoria do pavimento, sinalização, duplicação e até ações de conscientização dos motoristas.

Primeiro, a CCR Nova Dutra anunciou que a Rodovia Presidente Dutra atingiu, em 2015, o menor índice de vítimas fatais dos últimos 20 anos. Desde 1996, ano em que a concessionária CCR NovaDutra assumiu a administração da rodovia, a redução do número de mortes caiu de 520 (1996), para 140 (2015), o que significa uma redução de 73%.

Agora é a vez da ViaBahia divulgar os seus resultados, que também mostram redução de acidentes e vítimas em 2015 em comparação com 2014. A empresa administra 667 quilômetros entre nas Federais BR-324, de Salvador a Feira de Santana, e BR-116, de Feira de Santana até a divisa com Minas Gerais. Os acidentes caíram 16% (3.554 em 2015 contra 4.241 em 2014). Os feridos tiveram queda de 28% (1.564 contra 2.194) e as vítimas fatais reduziram 28% (143 contra 199).

A Arteris, uma das maiores companhias de concessões rodoviárias do País, registrou, em 2015, redução de 21% de fatalidades em suas rodovias na comparação com o ano anterior. Ao longo dos 3.250 quilômetros geridos pelas nove concessionárias do Grupo, foram registradas 688 mortes, contra 868 em 2014. Em 2010, foram 1.005 vítimas fatais. Pelas metas propostas pela Década da Segurança, uma ação da ONU (Organização das Nações Unidas) a Arteris trabalha para reduzir pela metade os números de 2010.

Por Jaime Alves, com informações das concessionárias

Imagens: Ana Amélia Andrade e Adenir Britto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados