A Petrobras decidiu alterar o sistema de divulgação dos reajustes dos preços da gasolina e do diesel nas suas refinarias. Agora, os anúncios serão com base nos preços médios dos combustíveis. Antes, a estatal divulgava os reajustes usando os percentuais de aumento ou redução. Mas o que isso muda para o motorista?

divulgacao_dos_reajustes_combustivel
Imagem: Fábio Lima

Segundo a diretoria executiva da empresa, a mudança é para dar mais transparência aos reajustes anunciados pela empresa, que seguem o movimento do mercado internacional.

Veja também: Mudanças da Petrobras no preço do combustível refletem nos postos?

“Antes, a empresa divulgava um percentual de aumento ou de diminuição de preços médios no país. O que vamos passar a informar é o valor de preço médio de venda no país do diesel e da gasolina, dando maior transparência à informação que a empresa fornece. O objetivo é exatamente esse, de dar essa maior transparência”, explica Pedro Parente, presidente da Petrobras.

Para ele, a informação ficará mais clara para o consumidor, que poderá avaliar a diferença entre o preço anunciado pela estatal e o que ele paga nos postos de combustível. A previsão da compania é colocar em prática o novo sistema após o Carnaval.

Pedro Parente destacou que a Petrobras não tem poder de influenciar o preço ao consumidor, mas aumentar a transparência. Assim, dá ao consumidor e à sociedade como um todo a possibilidade de avaliar de maneira completa a cadeia de produtos provenientes do petróleo.

Adaptado de Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here