A Polícia Rodoviária Federal registrou este ano o carnaval menos violento nas estradas nos últimos 4 anos. É o que indicam os dados colhidos da Operação Carnaval, que intensificou a fiscalização nas rodovias federais de todo país. Houve queda no número de acidentes, mortos e feridos durante a festividade.

Carnaval_menos_violento_nas_estradas

O órgão reforçou equipes especialmente em pontos estratégicos como os estados da Bahia, Minas Gerais e Santa Catarina, que registraram maior incidência de acidentes graves nos carnavais dos últimos cinco anos (30% das mortes no Carnaval de 2017). O número de acidentes diminuiu 14% em relação a 2017. As ultrapassagens irregulares caíram em numa relação de 15%.

Veja também: O que fazer ao presenciar um acidente na estrada?

Foram seis dias de operação, entre 09 e 14 de fevereiro, com foco na fiscalização de embriaguez ao volante, excesso de velocidade e ultrapassagens proibidas. A ação foi mais uma etapa da Operação RodoVida, que começou no dia 22 de dezembro de 2017 e se encerrará no dia 18 de fevereiro de 2018.

Os acidentes graves, aqueles com vítimas graves ou óbitos, caiu 16%. Ficaram feridas, em consequência de acidentes, 1.524 pessoas contra 1.792 no ano passado – uma redução de 15%. Houve queda também no número de óbitos, 103 este ano contra 150 em 2017 – registro 31% menor.

Carnaval_menos_violento_nas_estradas
Imagem: PRF
Carnaval_menos_violento_nas_estradas
Imagem: PRF

As condutas mais arriscadas, que  aumentam a possibilidade de consequências graves em caso de acidentes, também apresentaram queda. Foram 25% menos autuações por falta do uso de cinto de segurança, 20% menos condutores flagrados sob efeito de álcool, menos 14% de autuações por falta de capacete, além de queda de 24% nas multas pelo não uso de cadeirinhas por crianças quando obrigatório.

 

Trechos sem mortes

As cinco rodovias estaduais administradas pelo Grupo Arteris, a Autovias, Centrovias, Intervias, Vianorte e ViaPaulista passaram o carnaval, entre os dias 09 e 14 de fevereiro, sem registrar nenhuma morte em seus trechos. O volume de acidentes também caiu, em 18%, saindo de 77 ocorrências no feriado de 2017 para 65 este ano.

Os atendimentos aos usuários nos quase 1.600 quilômetros das rodovias praticamente se mantiveram no mesmo patamar. Foram 3.401 assistências neste carnaval, contra 3.369 do ano passado. Destaques para os 863 atendimentos mecânicos e/ou panes, acréscimo de 8% em comparação a 2017.

Confira 7 dicas para uma viagem na estrada mais segura.

 

Por Pietra Alcântara com informações da Arteris e PRF

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here