quarta-feira, agosto 12, 2020
- Publicidade -

Terminais de ônibus em São Paulo recebem peças teatrais sobre respeito no trânsito

- Publicidade -

Nesta semana de feriado na cidade de São Paulo, os terminais de Diadema recebem apresentações teatrais que enfatizam a segurança e o respeito no trânsito e nos transportes públicos.

Na quarta-feira (24/01) o evento acontece no Terminal Metropolitano Diadema. Na quinta (25/01) e sexta-feira (26/01) os atores se apresentarão no Terminal Metropolitano Piraporinha. Esta é uma parceria entre a EMTU e a prefeitura do município.

Uma dupla de atores abordará os usuários para interagir e chamar a atenção em relação à segurança na travessia entre as plataformas, que deve ser feita pela faixa de pedestres, à necessidade de uso adequado de mochilas, de fones de ouvido e transporte de grandes volumes no interior dos ônibus para não incomodar os demais passageiros.

O respeito aos assentos reservados e à prioridade para o embarque de pessoas com necessidades especiais e idosos também serão assuntos nas esquetes teatrais que ocorrem em dois horários: na parte da manhã, entre 9 e 11 horas, e à tarde, das 13 às 15 horas.

 

Educação no trânsito

De acordo com o levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS), feito em 2009 abordando 178 países, todos os anos aproximadamente 1,3 milhões de pessoas morrem vítimas da imprudência ao volante. Infelizmente, o Brasil aparece em quinto lugar entre os países recordistas em mortes no trânsito.

As tentativas de reverter esse quadro vão desde a construção de rodovias mais seguras à carros cada vez mais equipados com dispositivos de segurança. Mas nada disso adianta sem um condutor educado e preparado para assumir a direção.

Segundo especialistas, a formação ideal de um motorista consciente começa muito antes dos 18 anos. Por isso, ações como essa são muito importantes para a formação de pedestres e motoristas mais conscientes.

Algumas empresas reconhecem essa importância e investem nisso. É o caso de um Centro de Formação de Condutores (CFC) de São Paulo, que desenvolveu um projeto-piloto que transforma uma das salas do estabelecimento em um espaço multimídia.

Lá o instrutor e os alunos trabalham o conteúdo com o uso de tabletes – buscando uma abordagem dinâmica com a utilização dos conceitos online e offline para a formação de novos motoristas.

Veja também: 4 infrações mais comuns no trânsito

 

Por Pietra Alcântara

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados