sexta-feira, outubro 30, 2020
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Bolsonaro promete novas medidas para caminhoneiros, mas não diz quais

- Publicidade -

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, fez uma transmissão em suas redes sociais na noite de ontem, 28/03, onde tratou de diversos assuntos, entre eles, temas relacionados ao mundo do transporte. Bolsonaro comentou sobre o Cartão do Caminhoneiro e sobre a decisão da Petrobras de só permitir o aumento do preço do diesel a cada 15 dias. Além disso, o presidente ainda prometeu anunciar mais novidades para os caminhoneiros na próxima semana.

Presidente Bolsonaro com microfone na frente dele.
Imagem do presidente Jair Bolsonaro

Que medidas são essas?

Bolsonaro apenas afirmou que: “A gente está fazendo o possível. Com certeza, novas medidas serão adotadas na semana que vem.” Não se sabe que medidas serão, mas o anúncio vem dois dias antes da prometida nova paralisação. Sabe-se que o governo está monitorando um possível movimento de caminhoneiros e que uma nova mobilização seria prejudicial para o País, por isso, provavelmente, Bolsonaro escolheu dirigir-se diretamente a categoria, que o apoiou em massa nas eleições.

Os caminhoneiros reclamam principalmente da subida do preço do diesel e a da falta de fiscalização do piso mínimo de frete. As negociações em Brasília entre representantes da categoria e o governo estão acontecendo e o movimento espera que a ANTT anuncie formas mais eficazes de fiscalização da tabela de fretes, como o uso de documentos eletrônicos, por exemplo, mas não é possível saber se essas serão as novidades as quais o presidente se referia.

Resta saber se realmente haverão novos anúncios na semana que vem ou se o comentário foi uma forma de tentar evitar as mobilizações prometidas para dia 30/03.

Bloqueio de caminhões na Via Dutra em 2018 (Nilton Cardin/Agência O Globo)
Bloqueio de caminhões na Via Dutra em 2018 (Nilton Cardin/Agência O Globo)

Radares e ferrovias

Bolsonaro ainda comentou sobre o sucesso no leilão de trechos ferroviários no dia de ontem e declarou que não pretende aumentar o número de radares nas vias brasileiras. Os chamados “pardais”, segundo o presidente, não existem por uma preocupação com a segurança do usuário da via, mas sim pela chamada “indústria da multa”, com o objetivo de “meter a mão no seu bolso”.

Veja a transmissão completa abaixo, a fala sobre caminhoneiros está aos 4:42:

 

Por Paula Toco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados