O primeiro leilão de concessão de rodovia do ano já tem data marcada: dia 21 de fevereiro. A BR 101 será leiloada para concessão, no trecho entre Paulo Lopes, em Santa Catarina e a divisa com o estado do Rio Grande do Sul.

Leia também: Começam obras de duplicação na SP 333

br 101
Imagem: Dnit/Divulgação

A concessão da rodovia faz parte da previsão de 40 a 44 ativos de infraestrutura que o governo pretende leiloar em 2020.

Além da BR 101, outras seis rodovias serão concedidas à iniciativa privada. O contrato de concessão da rodovia é de 30 anos. De acordo com o edital, vence quem oferecer o menor valor da tarifa básica de pedágio.

De acordo com o Ministro da Infraestrutura a concessão da Nova Dutra – que inclui as BRs 116, 465 e 101 – deve ser o ativo que mais vai despertar o interesse dos investidores.

Além das duas rodovias, o governo também pretende leiloar no segundo trimestre de 2020, a BR 163, no trecho de 970 km, de Sinop (MT) a Miritituba (PA) e as BRs 153, 080 e 414, no trecho de 852 km entre Anapólis (GO) e Aliança do Tocantins (TO), no terceiro trimestre.

Já no quarto trimestre estão previstos os leilões da BR 116 e BR 493 no trecho de 711 km do Rio de Janeiro (RJ), passando por Além Paraíba (MG) até Governador Valadares (MG).

O governo também planeja concessão para a BR 040 e BR 495 no trecho de 180 km de Juiz de Fora (MG) ao Rio de Janeiro (RJ), e a BR 381 e BR262, no trecho de 672 km, de Belo Horizonte (MG), passando por Governador Valadares (MG) e indo até Viana (ES).

 

Por Pietra Alcântara com informações da Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here