A Ford anunciou hoje a construção, na Alemanha, de um centro para testes de veículos com o túnel de vento que, segundo a empresa, será o mais avançado do mundo, capaz de simular as condições climáticas mais extremas do planeta em termos de temperatura, altitude, umidade e ventanias de até 250 km/h, próximo do nível 5 de classificação de furacões.

A nova instalação vai ocupar uma área de 5.500 metros quadrados, o equivalente a um campo de futebol, no centro de desenvolvimento da Ford em Merkenich, Colônia, e representa um investimento de muitos milhões de dólares.

Além de dois túneis de vento climáticos, o centro vai abrigar um laboratório de altitude capaz de simular as condições encontradas em até 5.200 metros acima do nível do mar – maior que a altura média do platô tibetano, conhecido como “o teto do mundo”.

“Cerca de 50% dos veículos vendidos em todo o mundo rodam em áreas que estão a mais de 1.000 metros acima do nível do mar, incluindo regiões como os Alpes e os Pirineus na Europa”, disse Barb Samardzich, chefe de operações da Ford na Europa, no lançamento da pedra fundamental da construção.

Temperatura e umidade

O centro de testes contará também com quatro câmaras onde os carros podem ser refrigerados a temperaturas de 40ºC negativos, mesmas condições do Ártico, ou aquecidos a mais de 55ºC, apenas 2,8ºC abaixo da temperatura mais alta já registrada no mundo, no deserto do Saara. A umidade também poderá ser ajustada para reproduzir as condições mais áridas do deserto, com apenas 10% de umidade, até o nível mais alto das florestas tropicais, de 95%.

A montadora não informou quando o novo centro entrará em funcionamento.

Fonte: Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here