quarta-feira, outubro 21, 2020
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Motoristas de transporte alternativo fazem protestos na PB

- Publicidade -

Seis trechos de rodovias na Paraíba estão interditados nesta terça-feira, 6, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). A interdição na verdade é um protesto de motoristas de transporte alternativo da região, que são contra uma alteração no Código de Transito Brasileiro, sancionada pelo presidente no início de julho.

Leia também: PRF apreende carga ilegal e recupera caminhão roubado

transporte alternativo
imagem: PRF/Divulgação

Segundo informações da PRF, os manifestantes colocaram galhos e pneus para impedir a passagem de veículos de transporte como vans e caminhões, permitindo apenas a circulação de carros.

De acordo com a Cooperativa dos Transportes Alternativos do Sertão da Paraíba (Cooptas), a preocupação principal dos motoristas de transporte alternativo da região é a Lei 13.855, que entra em vigor no dia 9 de outubro.

Ela classifica o transporte sem autorização como pirata e aumenta as punições, seja transporte escolar, transporte de pessoas ou bens.

Antes da lei, o transporte pirata de pessoas e bens era infração média e o transporte escolar sem autorização era classificado como infração grave. Agora, tanto o escolar quanto o transporte de pessoas e bens é classificado como infração gravíssima, com multa de R$ 293,47, perda de 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e remoção do veículo como medida administrativa. No caso de transporte escolar, o valor da multa é multiplicado por 5.

A expectativa dos representantes da categoria é de que uma comissão seja recebida pelo governo do estado para que a situação da regulamentação seja discutida. Principalmente em cidades do Nordeste do Brasil, pela falta de ônibus para transporte de passageiros, muitas empresas atuam com o transporte de pessoas por meio de vans e veículos menores que ônibus.

“São os alternativos que trazem condições de economia para as cidades. Com a eliminação, não vai mais existir pessoas para estar comprando nas cidades. Ônibus nenhum consegue fazer o trabalho que nós fazemos”, opina o motorista Airon Coutinho, que estava fazendo parte do protesto em Patos.

 

Os trechos interditados são:

  • BR 230 – km 332 – Patos
  • BR 230 – km 340 – Patos
  • BR 230 – km 399 – São Bentinho
  • BR 230 – km 422 – Pombal
  • BR 361 – km 8 – saída de Patos
  • BR 230 – km 31 – Bayeux

 

Por Pietra Alcântara

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Você pode gostar
posts relacionados