Pé_na_Estrada_Materia_infracao
Cuidado para não contribuir com o aumento na arrecadação dos cofres públicos

Os órgãos federais registraram, em cinco anos, um aumento de 273% na arrecadação com multas de trânsito. Já o número de infrações registradas subiu 195% no mesmo período.

Os dados foram obtidos por meio do sistema Renainf, que inclui multas aplicadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), além daquelas cometidas fora do estado de origem do veículo.
 
Falando em infrações, no dia a dia a maioria das pessoas não cometem ações como: beber e depois dirigir, ultrapassar pelo acostamento ou andar acima do limite permitido. Mas, e as pequenas infrações? Será que todo mundo está atento?
 
Assista ao vídeo de Paula Toco
 
 
Segundo o G1, em 2016, foram arrecadados R$ 888,8 milhões com as multas aplicadas, contra R$ 238,1 milhões em 2011. No período o Brasil registrou um aumento de 33% na frota de carros, conforme o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).
 
Nos últimos anos, o maior salto no número de infrações ocorreu entre 2014 e 2015: um aumento de 40%. Já a arrecadação sofreu uma queda de 28% em 2014, comparado a 2013, e voltou a crescer em seguida. O maior salto anual, desde 2011, foi entre 2015 e 2016: 79,3%.
 
Por Valéria Paixão e informações NTC & Logística
 
 
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here