sexta-feira, janeiro 15, 2021

Obras em trechos perigosos reduzem fatalidades em 23% em São Paulo

- Publicidade -

Com base do Infosiga SP, o Departamento de Estradas e Rodagem (DER), em parceria com o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, identificou e promoveu melhorias com obras em trechos perigosos, com elevado índice de acidentes.

Até o momento, 51 intervenções foram realizadas com redução de 23% nas fatalidades. Outras 42 obras estão em andamento em 24 trechos de rodovias administradas pelo DER.

“A partir do Infosiga SP foi possível levantar com precisão trechos com alta incidência de acidentes fatais e possibilitar intervenções eficazes que culminaram nessa redução significativa”, afirma o secretário de Logística e Transporte, Laurence Casagrande Lourenço.

As melhorias previstas nesse projeto incluem mais 22.500 m² de sinalização horizontal, 17,6 mil metros de defensas metálicas e 12,3 mil tachas refletivas, além de conjuntos de lombadas para trechos urbanos e radares para controle de velocidade. Em 2017, o número de fatalidades passou de 103 para 72, o que representa 31 vidas salvas.

“São medidas brandas, avaliadas ponto a ponto de acordo com as necessidades específicas de cada trecho. Por meio dos dados do Infosiga SP, a equipe técnica do DER criou soluções para proteger quem trafegas pelas rodovias. E os resultados comprovam a eficácia desse trabalho”, avalia a coordenadora do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, Silvia Lisboa.

 

Investimentos

Os dados foram anunciados em evento promovido pela Secretaria de Logística e transportes realizado nesta segunda, 02, no Palácio dos Bandeirantes. O Governador Geraldo Alckmin anunciou investimento de R$ 506 milhões para modernizar 33 rodovias paulistas.

O encontro serviu também lançamento de serviço eletrônico para Autorização Especial de Trânsito do Estado, solução que reduz a burocracia para transporte de cargas especiais.

 

Adaptado de Movimento Paulista de Segurança no Trânsito

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Você pode gostar
posts relacionados