Quem vive pelas estradas da vida sabe a importância do caminhão e do caminhoneiro, afinal esse é o principal meio de transporte de cargas do país, representando 58% do segmento. Os caminhões são responsáveis pela ida e pela chegada de todo tipo de produto, desde grãos à eletrônicos, carga viva e etc.

pelas_estradas_da_vida

Mas, neste Carnaval, a avenida toda vai saber da importância do estradeiro para a economia do país. Isso porque a escola de samba Rosas de Ouro vai levar para o Sambódromo do Anhembi um desfile com o tema “Pelas estradas da vida: sonhos e aventuras de um herói brasileiro” – que conta os desafios e as alegrias de ser caminhoneiro.

O tema foi apresentado ao carnavalesco da escola, André Machado, que desenvolveu a proposta de homenagear os caminhoneiros no carnaval de 2018. Ele conta que já tinha o tema em mente pois, em 1992, a escola de samba carioca Império Cerrano já havia homenageado os caminhoneiros no Carnaval e André, desde então, tinha vontade de fazer o mesmo.

Angelina Basílio, presidente da escola, também aprovou o tema e então os motoristas de caminhão foram escolhidos para serem o centro das atenções do desfile!

 

Contando a trajetória dos motoristas

pelas_estradas_da_vida
Paula Toco foi até a Rosas de Ouro para falar sobre o tema do desfile deste ano. Você confere a reportagem no Pé na Estrada.

A apresentação seguirá a lógica das viagens dos caminhoneiros, começando com a partida de casa para uma nova jornada, com as orações para que o estradeiro seja protegido e também homenagem ao São Cristóvão, padroeiro dos motoristas. Depois, os sonhos que são levados do asfalto para o campo, os perigos da viagem, tradições e lendas populares nas estradas, terminando com referências do cinema aos motoristas e a tão esperada volta ao lar, com o caminhoneiro revendo toda a família e voltando são e salvo.

E no volante o vento sopra o meu rosto
Feito um amante, ameniza minha dor
Eu levo sonhos do asfalto para o campo
O horizonte de um futuro promissor

Trecho do samba-enredo da Rosas de Ouro, cantado pelo intérprete Royce do Cavaco e a dupla Maiara e Maraisa.

Houve preocupação em transmitir tanto no samba-enredo quanto no próprio desfile, todas as dificuldades enfrentadas nas estradas, as condições de trabalho e a realidade de quem vive no trecho.

Segundo a Pesquisa CNT de Perfil dos Caminhoneiros, o principal ponto positivo da profissão para os motoristas é a possibilidade de viajar e conhecer novos lugares e culturas. O ponto negativo, para eles, está na insegurança da profissão. 

O Brasil tem 1,7 milhão de quilômetros de estradas, sendo 12,9% pavimentadas e 79,5% sem pavimento. Por isso, muitos estradeiros enfrentam dificuldades para entregarem suas cargas, já que muitas vezes são obrigados a rodarem por trechos em situação precária, como está acontecendo com os motoristas parados na BR 163 no Pará.

 

O samba-enredo

pelas_estradas_da_vida

Uma das forças da Rosas de Ouro está em seu samba-enredo, considerado um dos melhores do ano. Poético, narra cada passagem das “aventuras” do “herói brasileiro”, sob a voz histórica de Royce do Cavaco. A dupla sertaneja Maiara e Maraísa, que participaram da gravação do samba, no CD, também estarão no carro de som e, depois de darem a largada, vão para o desfile. As informações são do Jornal SP Norte.

As cantoras que formam a dupla sertaneja são netas de caminhoneiro e também aprovaram o tema. Confira no vídeo o samba-enredo que vai embalar o desfile da Rosas de Ouro, que será o penúltimo da sexta-feira, dia 9 de fevereiro.

 

E você, o que achou do tema escolhido pela Rosas de Ouro?

Por Pietra Alcântara

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here