sexta-feira, setembro 24, 2021

Quem foram os representantes dos caminhoneiros nessas eleições?

As eleições 2018 não foram apenas para escolha do próximo Presidente da República. Também foram eleitos senadores, governadores de cada estado, além de deputados estaduais e federais. E entre estes candidatos, estavam alguns representantes dos caminhoneiros, que em sua maioria não conseguiram se eleger.

representantes_dos_caminhoneiros_destaque

Valdelino Barcelos, do Partido Progressista, foi o único candidato dessa turma que conseguiu se eleger. Ele foi eleito Deputado Federal. Mas quem foram os outros candidatos? Continue lendo e confira.

Você sabe o que seu candidato à presidência pensa sobre a tabela mínima de frete? Clique aqui para descobrir.

Quem realmente te representa?

Quando falamos de representantes dos caminhoneiros nesta matéria, nos referimos à candidatos que já trabalharam no setor de transporte rodoviário de cargas ou que estão diretamente ligados à sindicatos e organizações que representam os estradeiros.

Por isso, não incluímos na lista candidatos como Osmar Terra, do MDB, que foi reeleito como Deputado Federal, apesar dele ser o relator da medida que instituiu a tabela mínima de frete. Também não incluímos Assis do Couto, do PDT, candidato a Deputado Federal que não conseguiu se eleger.

Confira abaixo alguns candidatos que representaram os motoristas nas Eleições 2018:

 

Deputado Estadual

 

André Botinelly – PPS

representantes_dos_caminhoneiros

André é o representante dos caminhoneiros que recebeu menos votos. Ele se candidatou a Deputado Estadual pelo Amazonas e teve 0,03% dos votos, que contabilizam 539 votos.

No Amazonas, Tiago Falcão, também do Podemos, foi o candidato eleito com menos votos, com 0,75%. Para que o candidato André alcançasse Falcão, ele precisaria de 12.774 votos.

 

Daniel Queixada – PODEMOS

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Facebook

Queixada é conhecidos dos caminhoneiros. Com porcentagem de 0,05%, o que contabiliza 4.592 votos, ele concorreu a Deputado Estadual representando Minas Gerais.

Para atingir Andreia de Jesus, do Psol, que foi a candidata representante de Minas Gerais eleita com menos votos, Queixada precisaria de 13.097 votos.

 

Edmilson Aguiar “o Boka” – PSB

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Facebook

Candidato a Deputado Estadual do Amazonas, Boka teve 0,07% dos votos, contabilizando 1.331 votos. Ele precisaria de 11.982 votos para alcançar o Deputado Estadual do Amazonas eleito com menos votos, Tiago Falcão.

 

Gilson Baitaca – PSB

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Facebook

Baitaca é conhecido pela turma do trecho. Ele foi candidato a Deputado Estadual pelo Mato Grosso e teve 2.906 votos, que representa 0,19%. Em seu estado, o candidato a Deputado Estadual eleito com menos votos foi João Batista do Sindspen. Ele teve 11.374 votos, que representa 0,75%.

Ou seja, para atingir o candidato eleito com menos votos, Baitaca precisaria de 8.468 votos a mais.

 

Valdelino Barcelos – PP

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Partido Progressista

Barcelos é o único candidato a deputado representante dos caminhoneiros que conseguiu se eleger. Ele é ex-motorista de caminhão e transportador do Distrito Federal. Teve 0,66% dos votos, contabilizando 9.704 votos.

Valdelino Barcelos teve 3.126 votos a mais que o candidato a Deputado Estadual do Distrito Federal eleito com menos votos, Leandro Grass da Rede Sustentabilidade.

 

Deputado Federal

 

Plínio Dias Caminhoneiro – Patriota

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Patriota

Plínio Dias é do Paraná e foi candidato a Deputado Federal. Ele teve 0,03% dos votos, o que totaliza 1.960 votos.

Em seu estado, a candidata com menos votos a ser eleita Deputada Estadual foi Aline Sleutjes, do PSL. Para alcançá-la, Plínio precisaria de 31.668 votos.

 

Wallace Landim Chorão – PODEMOS

representantes_dos_caminhoneiros
Imagem: Podemos

Chorão foi um dos líderes da greve dos caminhoneiros de maio. Ele representou Goiás e concorreu a Deputado Federal, alcançando 0,47% dos votos, contabilizando 14.171 votos. Apesar de não eleito, ele foi o representante dos caminhoneiros com mais votos nesta eleição.

Em seu estado, o candidato Major Vitor Hugo do PSL foi o Deputado Federal eleito com menos votos. Para alcançá-lo, Chorão precisaria de 17.019 votos.

 

E você, parceiro, votou em algum desses candidatos? Ficou satisfeito com o resultado das eleições? Comente!

 

Por Pietra Alcântara

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados